BUSCAR

22 de outubro de 2019

Jovem codoense que foi dada como desaparecida foi embora pra São Paulo






O delegado Rômulo Vasconcelos desvendou o caso da menor Eudilance, de apenas 15 anos, que foi dada pela família como desaparecida desde o dia 17 de outubro, quinta-feira. A autoridade policial rastreou os passos da garota ouvindo amigos e lendo mensagens trocadas pela adolescentes por aplicativos de conversa.
Chegou à conclusão que ela tomou a decisão de ir embora e o motivo pode ser uma suposta gravidez, ou seja, o temor da repercussão disso dentro da família.
A mãe,  Roseane,  foi entrevista pelos jornalista Amral Júnior (TV Codó) e Emanuella Carvalho (TV CIDADE)  mostrou chocada com a informação colhida pela polícia, mas, pelo menos, ficou mais alividada uma vez que já temia algo pior.
Agora tentará convencer a filha a volta de São Paulo para onde foi embora.

Fonte: Blog do Acélio

Nenhum comentário:

Postar um comentário