BUSCAR

8 de novembro de 2019

Zito Rolim volta a ser lembrando em escândalo de agiotagem no Maranhão




A ingratidão é um dos maiores defeitos no ser humano, principalmente quando ela vem de onde menos se espera…

Júlio César era tio do senador Brutus, mas o tinha como um filho. O senador não hesitou em conspirar contra César e o levou ao átrio do Senado, sendo um daqueles que esfaqueou o lendário imperador romano levando-o à morte, e eternizando uma daquelas traições que nunca se esquece.
Zito Rolim, ex-prefeito de Codó e atual deputado estadual, figura como um dos maiores agiotas do Maranhão, maculando a boa imagem que o mesmo tinha até o aparecimento da famigerada lista.
Isso pode começar a ruir anos de uma construção em cima de um castelo de areia, pois Zito na verdade não é aquilo que durante décadas a cidade de Catimbó imaginava…
Rolim assim esfaqueia o próprio legado e pode naufragar numa sequência de escândalos que poderão vir à tona após o episódio que expôs um esquema de agiotagem em várias cidades do Maranhão.
A cidade de Codó hoje pergunta estupefata: ” Até tu, Zitus?”

Por: Jonas Filho

Nenhum comentário:

Postar um comentário